A todos, Namaste!

Inúmeras vezes venho tentando transmitir o Ensinamento do Buddha a respeito da Generosidade como meio único para manter o Buddhismo vivo. Esta vem sendo minha preocupação principal, já que disto depende o sucesso de minha missão em nosso país. Na verdade, sempre consultei mestres e monges na Ásia, antes de meu retorno, sobre como eu me manteria num país que não tem o hábito de doar e não está acostumado à manutenção de um Templo Buddhista. As respostas sempre foram as mesmas: “Vantê Sunanthô tem que ensinar as pessoas e mostrar a elas a necessidade de doarem, para praticarem o desapego até se conscientisarem da importância de manter um Templo Buddhista!”
Concordo como a opinião da Sra. Jeannine que levará bastante tempo até que os moradores de São Chico se familiarizem  com minha presença na cidade e entendam o que vim fazer aqui. Portanto, é natural que não haja muitas doações (especialmente financeiras) e que é imprevisível quanto tempo vai levar até que surjam doações expressivas. Tudo vai depender da continuidade de meu esforço em divulgar o Buddhismo aqui – posso garantir a todos que venho me esforçando!
Assim, é justamente por não poder contar com os que ainda não creem o suficiente na mensagem do Buddha, que dirijo esta mensagem aos que, direta ou indiretamente, já me conhecem já têm contato com o Buddhismo e meu modo de ensiná-lo. Todos os recebedores desta mensagem já sabem como sou – gostando ou não disso…rsrs Alguns vêm colaborando, até de forma bastante onerosa e não considero justo que sejam somente essas mesmas pessoas, quando tantas outras também vêm acompanhando o desenvolver de minha trajetória no Brasil, alguns até mesmo desde quando me mudei para a Ásia, ainda noviço! É para esse número muito maior de pessoas que apelo para que se sensibilizem e tentem, de alguma forma, exercitar o hábito da DOAÇÃO para não sobrecarregar os poucos doadores que, cedo ou tarde se sentirão cansados e impossibilitados para continuarem mantendo um monge Theravada no Brasil.
Quero agradecer, em especial, aos seguintes doadores: Sra. Lília, Dr. Enio Burgos, Sr. Nelson, Sra. Jeannine, Sra. Célia, Sra. Iara, Sr. Cláudio, Sra. Jussara, Sra. Mariza, Sr. Bolívar, Sr. Cristian, Sr. José Antonio, Sr. Viviane, Sr. Sidnei, Sr. Colla. (Esperando não ter esquecido alguém!!)
Seria muito bom se mais e mais pessoas se unissem a estas, na prática da generosidade! Ontem à tarde, recebi mais uma conta de energia elétrica, no valor de R$ 54,39 (cinquenta e quatro reais e trinta e nove centavos) com vencimento no dia 6 de dezembro. Se algumas pessoas pudessem fazer pequenas doações, juntas pagariam o valor total da conta, sem ônus para quem quer que seja. Caso contrário, se a mesma pessoa, sozinha, tiver que arcar mensalmente com a despesa, será oneroso e injusto… Pensem a respeito!
CASO HAJA INTERESSADOS EM DOAR, peço que entrem em contato com a Sra. Célia Plácido, para informações sobre a conta onde depositar suas doações.

celiaplacido@terra.com.br

Fiquem todos em Paz e protegidos!

सुनन्थो भिक्षु

Vantê SUNANTHÔ